quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Giro no Pedal - O "re-making" - Invernal Infernal


 Por: Telmo Marques


Como para a volta deste fim-de-semana se juntavam pernas menos rodadas, foi proposta uma volta mais pequena pelas redondezas da Guarda. Foi então decidido fazer percurso da Invernal 2009, maratona de 40 km.
O ponto de encontro era na pastelaria Cristal, para alguns a volta começaria ali depois do primeiro café, para outros havia uma cidade para subir à base da rotação da pedaleira. Assim, pelas 8h30 saíram duas aves pedaleiras da Rua do Pombal, eu (Telmo) e o meu irmão (Bruno) e fomos seguindo por essa cidade acima enquanto se iam juntando a nós outros companheiros pelo meio desse percurso, mais propriamente rotunda do Rossio.
Depois do café tomado partimos então para a parte mais aliciante da volta, seguimos pelo Inatel até à prisão. Daí, seguimos em direcção a Maçainhas onde uma longa descida com algum grau de dificuldade exigia de nós concentração, para que as quedas não ocorressem.



Já em Maçainhas parámos então para a abastecer com a bebida que já dispensa apresentação, é a nossa, não há volta a dar…







Como se pode vislumbrar na seguinte foto, houve um camarada que aproveitou para continuar a meditação que o despertador interrompeu pelas 8h00…




Depois do momento de descanso continuamos a bater terreno seguindo por Prado até à parte mais difícil do percurso, que foi a subida às torres eólicas.



Ocorreram alguns percalços mecânicos de travões ao Coelho que aliado a outras perdas de tempo fizeram com que o trajecto fosse alterado na descida das torres acabamos por seguir pelo Carapito. A partir daqui, cada um para sua casa, quem começou a volta mais cedo ficou logo ali pela Estação e a outros coube-lhes a subida da Guarda.

6 comentários:

Coelho disse...

Mais um belo redactor para o Team! Estou a gostar de ver os dotes desta gente toda. :)
Valeu a volta! Espero que na próxima tenha mais "pastilha" para ajudar a travar nas descidas.. hehehe ;)

Anónimo disse...

É verdade já tens os travões arranjadinhos para Celorico? Vitor.

Coelho disse...

Estão prontinhos! Passei o serão de 3ªfeira de volta daquilo... mas ficaram no ponto. :)
A causa da falha foi o desgaste das pastilhas, onde o êmbolo ficou sem curso suficiente para poder acompanhar a perda de alcance...
Uns ajustes, e alguma paciência depois.. ficou a travar bem.
Falta só a volta-teste, já que a garagem é pequena...

Bruno disse...

Check-brakes!!!!!!!! Tu va tomber!!!!!

Coelho disse...

Non, je veux pas ça... Mais quesque tu pense hã?... Bon.... baaahhhh...hummm .... buufffff
:D

Coelho disse...

Triste nestas voltas que vamos dando é a quantidade de lixo que vamos encontrando....
Até sanitas partidas conseguimos ver!
Dá pena ver tanta estupidez feita...